Senadores visitam locais atingidos pelos incêndios florestais

Senadores que visitaram o Pantanal neste final de semana decidiram convidar de imediato o vice-presidente, Hamilton Mourão, e os ministros Ricardo Salles, do Meio Ambiente, Teresa Cristina, da Agricultura, e Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional, para discutir o problema das queimadas no bioma. Ainda não há uma data confirmada para o encontro.

Os parlamentares integram a comissão externa encarregada de acompanhar as ações de enfrentamento aos incêndios na região. A comitiva percorreu grande parte do Pantanal pela rodovia Transpantaneira para ver a situação do bioma, que enfrenta um dos piores períodos de seca dos últimos 40 anos.

Em reunião no município mato grossense de Poconé, um dos mais atingidos pelos incêndios florestais, os parlamentares defenderam também a criação de um estatuto do Pantanal. Quem explica é o senador Wellington Fagundes, presidente da comissão.

Durante a visita dos senadores, também foi confirmado o envio, pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, de agentes das forças de segurança nacional para ajudar o Governo de Mato Grosso no combate aos incêndios, já na próxima semana. No entanto, ainda não há informações sobre o número de combatentes e qual a estrutura que será disponibilizada ao estado.

Dados do Inpe, o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, apontam que os primeiros sete meses de 2020 foram os que registraram mais queimadas em comparação com o mesmo período de anos anteriores. Julho foi o mês com mais focos de incêndio nos últimos 22 anos: 1.684.

Por Jornalista Márcio Batista
Fonte: Agência Senado / Maíra Heinen

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui